Arquivo da tag: mc leonardo

Festa Funk de Raiz no dia da consciência negra

No dia da consciência negra, esta sexta-feira, dia 20 de novembro, ocorre a primeira edição da festa funk de raiz! Não fique de fora! * Organizada pela APAFunk (Associação dos Profissionais e Amigos do Funk), movimento que vem lutando pelos direitos dos funkeiros, a festa arrecadará verbas para financiar a cartilha da APAFunk de conscientização dos direitos dos trabalhadores do funk.

Compra de Ingressos na hora (possibilidade de esgotar) ou antecipado através de contato pelo e-mail:
festafunkderaiz@gmail.com
R$20,00 – inteira
R$10,00 – estudantes

Siga o twitter : http://www.twitter.com/festafunkderaiz e concorra a promoções.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

1º Festival Cultural Fala Favela

cartaz internet

O Curso de Formação de Agentes Culturais Populares, que está sendo desenvolvido na UFF/Niterói, formará no mês de Novembro sua primeira turma.

O Projeto estimula a formação e consolidação de redes que articulem as iniciativas culturais desenvolvidas nas favelas, com a intenção de criar condições para a produção e fruição de bens culturais em espaços populares, com base numa lógica inclusiva, respeitando a diversidade e pluralidade da cultura popular.

O objetivo é qualificar/capacitar 30 agentes culturais através do curso de formação, que combina momentos de estudo de teorias e troca de experiências práticas, com a perspectiva de contribuir na construção de alternativas de geração de emprego e renda para os moradores dos espaços populares;

Nesta etapa final os alunos irão realizar com os educandos do curso o festival “Fala Favela” na UFF para fomentar e divulgar as produções culturais das favelas, através de concursos, mostras, palestras, exposições, etc….

Contamos com a presença de todos!

Data: 19/11

Hora: à partir das 9:00 hs (manhã)

Local: UFF/Niterói – Campus Gragoatá (Praça São Domingos)

Entrada Franca

Maiores Informações: http://culturanauff.blogspot.com/

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

União: temos que continuar acreditando nela!

Panfleto VOTACAO alerj INTERNET

Na última terça-feira, 25 de agosto, o Funk pôde mostrar a força que tem, levando ao plenário legislativo do Rio de Janeiro um número bastante significativo pra uma audiência pública: cerca de 600 pessoas compareceram na ALERJ às 10 horas da manhã pra acompanhar esse momento histórico.

O Funk conseguiu unir, no mesmo dia e hora, não só os trabalhadores como os empresários do Funk, movimentos sociais e estudantis, partidos de direita e de esquerda, além de Executivo e Legislativo.

Agora, na próxima terça-feira, 1º de setembro, serão votados dois projetos de lei que defendemos. Um projeto pretende revogar a lei 5265, que dificulta a realização dos bailes no Rio de janeiro. O outro é uma lei que faz com que o Estado reconheça o Funk como movimento cultural.

Temos vários motivos para acreditar que uma verdadeira multidão se aproximará da AJERJ pra acompanhar em clima de copa do mundo esse momento importante pra cultura carioca. Dessa vez o horário da votação vai ajudar bastante: 18h30. E um pouco antes, às 16h30, vamos fazer uma RODA DE FUNK na escadaria da ALERJ, que vai ajudar a divulgar a audiência pra quem estiver passando.

Agora eu vou dar mais um motivo para todos que ainda não se decidiram, ai vai:

GRANDE BAILE DA VITÓRIA NO CIRCO VOADOR, TOTALMENTE GRATIS!

É isso mesmo, assim que estiver acabada a votação faremos uma grande marcha em direção à Lapa, pra comemorar em um único ambiente.

É esse espírito de união que temos que preservar, pois é ele que irá nos dar força pra exigir que os direitos que conquistamos sejam respeitados.

Então, pra finalizar, vamos reforçar dia e hora:

DIA 01/09/09, TERÇA-FEIRA, GRANDE CONCENTRAÇÂO NA ESCADARIA DA ALERJ APARTIR DÀS 16H.

PALACIO TIRADENTES, NA PRAÇA 15, EM FRENTE AO EDIFICIO GARAGEM.

MC LEONARDO

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

19/07 às 16:00hs – Roda de Funk no Santa Marta

CARTAZ

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Programa atitude.com – Tv Brasil

Fala pessoal! Participamos em maio do programa Atitude.com da Tv Brasil sobre funk. Aí segue em 4 parte o programa.

Abraços!

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Manifestação pela liberdade cultural no Santa Marta é proibida

Por Claudia DuarchaFunk de raiz

msanta_martaÉ lamentável, que nos tempos atuais ainda haja pessoas com visão tão limitadas e preconceituosas em relação ao funk e as culturas populares. A APAFUNK não tem a pretensão de ser perfeita, mas não sou cega para deixar de reconhecer que o trabalho da associação é bem feito e importante.

Isso já foi atestado nas parcerias, nas reportagens, nas indicações e recomendações feitas por outros sites e blogs sobre a mesma.

Nem todas as pessoas que entram em contato com a APAFUNK concordam com o que está escrito, o que gera discussões saudáveis. Não somos donos da razão e é por isso que gostamos de trocar idéias com outros que tenham inteligência para expor suas opiniões. Quem não sabe se expressar como as pessoas civilizadas fazem, não é problema nosso e não são o nosso público-alvo!

Alguém aqui conhce quais são os reais objetivos da APAFUNK? O que ela vem fazendo nas comunidades? Não opine, se a resposta for NÃO!

Opinião sem conhcecimento de causa é pré-conceito!

O Globo bloqueou a cópia da matéria, então por favor entrem no link abaixo, vejam as barbaridades que estão escritas nos comentários e quem puder, dê sua opinião também. Seja construtivo ao fazer isso, baixar o nível igual a muitas ali, não é solução.

http://oglobo.globo.com/rio/mat/2009/06/27/policia-militar-proibe-roda-de-funk-em-favela-provoca-polemica-756556996.asp


Sobre a proibição da manifestação, os organizadores do evento declararam:

Roda de funk prevista para a tarde deste domingo (28/6) no Morro Santa Marta, em Botafogo, na Zona Sul do Rio, foi proibida pelo comando do batalhão de Polícia Militar da área. A manifestação político-cultural foi organizada pela Associação dos Profissionais e Amigos do Funk (Apafunk) e pelo movimento Visão da Favela, como atividade da campanha Funk é Cultura, em defesa da liberdade de expressão cultural, pelo direito dos artistas populares ao trabalho, contra o preconceito e a criminalização do funk e da cultura popular.

Sob o lema Paz sem voz é medo, o ato previa uma apresentação teatral, graffite e apresentação de rappers e funkeiros com letras de resgate do funk de raiz, de compromisso social. A Apafunk nasceu da união de MCs e DJs para buscar, por meio das rodas, a conscientização da sociedade em relação ao fato de que nem toda letra de funk contém pornografia ou apologia ao crime.

Ao longo de um ano de luta, artistas de outras vertentes culturais populares se articularam com o movimento na promoção de debates e rodas de funk pela cidade. Em um contexto de repressão rotineira ao funk, pela primeira vez a Polícia Militar proíbe uma manifestação da campanha. No Santa Marta, alguns agentes culturais têm enfrentado dificuldades na realização de eventos artísticos, assim como em outros locais do Rio sob modelo de policiamento semelhante — como na Cidade de Deus, na Zona Oeste, e no Morro da Babilônia/ Chapéu Mangueira, na Zona Sul.

Os organizadores da manifestação vão continuar cobrando das autoridades públicas o direito à livre manifestação e à expressão cultural das comunidades.

Texto: Organizadores do evento

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Roda de funk no Santa Marta – “Paz sem voz não é paz. É medo!”

SANTA MART

Caros companheiros e companheiras,

No dia 28/06 (domingo), a partir de 16 horas, será realizada uma tarde de atividades culturais no morro Santa Marta. O intuito é chamar atenção para a proibição das manifestações de cultura popular, impossibilitadas de acontecer desde o início da ocupação do morro pela polícia.

Além da Roda de Funk realizada pela APAFUNK com varios MC´s, haverá oficina livre de Grafitti, apresentação de hip-hop e, fechando com chave de ouro, intervenções teatrais apresentadas pela Cia Marginal da Maré.

A atividade será na Praça do Cantão.

Aguardamos a presença de todos e todas!

Texto: Isabel Mansur

Acesse: http://www.redecontraviolencia.org/Home

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized